Motos para iniciantes: qual é o modelo mais indicado?

Tempo de leitura: 3 minutos

Seja pela comodidade de não ter que enfrentar os ônibus lotados logo após acordar, pela facilidade de deslocamento mesmo em dias de grandes engarrafamentos ou em função da economia gerada pelo baixo consumo de combustível, as motocicletas demonstram ser uma solução bastante eficiente e prática para quem deseja um incremento na qualidade de vida.

Para quem nunca pilotou uma motocicleta na vida e deseja passar a aproveitar as vantagens proporcionadas por elas, existem alguns fatores a serem ponderados, pois, assim como qualquer veículo, a habilidade em dominar máquinas mais “ferozes” acaba vindo com o tempo mesmo.

Para facilitar sua escolha, o post de hoje traz algumas opções que consideramos como as melhores motos para iniciantes. Acompanhe na íntegra e decida ao final qual será a sua melhor companheira.

Honda PCX

A Honda PCX, lançada em 2013, veio para revolucionar o mercado de scooters e atualmente incomoda até fabricantes de outros segmentos em se tratando de vendas. Isso ocorre por ser uma motocicleta muito bem construída, com um acabamento muitíssimo interessante e facílima de pilotar. É realmente muito difícil encontrar algum defeito na Honda PCX.

A scooter da fábrica japonesa traz consigo um motor de 150 cilindradas, mais do que suficiente para o trânsito urbano, câmbio automático CVT e carrega tranquilamente até 180Kg. Se houvesse uma definição do que são motos para iniciantes, a descrição ficaria bem próxima do que é uma Honda PCX.

Honda Lead

A Honda Lead é como se fosse uma “irmã mais nova” da Honda PCX. Podemos classificá-la dessa forma, primeiramente por ter um motor um pouco menos potente (110 cilindradas) e por ser menos robusta também, em comparação com o outro modelo.

As principais vantagens em se ter uma Lead, é poder contar com um câmbio automático mesmo em um modelo tão básico, além do assoalho plano, o que favorece que você possa carregar sacolas, por exemplo, nesse local. Outro atrativo é o grande espaço para capacetes que fica embaixo do seu banco.

Honda Biz 110 e 125

Se o seu negócio é economizar gasolina, a Honda Biz 110 é uma pedida fantástica. Apesar de ter um visual um pouco mais “magrinho” do que as scooters e não contar com o câmbio automático. A Biz 110 é poder contar com um projeto de veículo que já vem sendo testado há anos, e passado com louvor em todos os testes.

Já a Biz 125 ganhou cara nova no segundo semestre de 2017 cheia de novidades que já conquistaram o coração do público. Agora com frenagem combinada CBS (Combi Brake), como carregador de celular 12v, bagageiro maior, cambio semi-automático, painel totalmente digital e econômica como sempre.

Honda Pop 110I

Você mora em uma localidade mais afastada e seus principais deslocamentos são para comércios ou locais de trabalho relativamente próximos de sua casa? A Honda Pop 110I então é a sua compra ideal. Trata-se de uma Honda Biz, mas sem as carenagens. A grande vantagem nisso é que a Pop acaba sendo um veículo mais leve, portanto mais econômica, e além disso, em uma possível queda a chance de que algo se quebre ou arranhe é mínima.

Honda CG 125 Fan

Entre as motos para iniciantes, talvez a CG seja o modelo mais conhecido. Normalmente é nela que você aprende a andar em motocicletas quando está fazendo as primeiras aulas de pilotagem. Se seu motor 125 cilindradas e o seu modelo clássico não fossem bons, ela não estaria aí após anos figurando entre as primeiras.

Gostou das nossas dicas de motos para iniciantes? Então não deixe de ler também o nosso post “Descubra nossas 6 dicas incríveis para iniciantes de moto!”

Powered by Rock Convert

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *