Como escolher os aros de roda e as medidas do pneu de moto

Tempo de leitura: 3 minutos

As motos têm sido o meio de transporte preferido dos brasileiros nos últimos anos. A economia e a rapidez para se locomover de casa para o trabalho são alguns dos seus grandes atrativos. Mas, para rodar com segurança e economia, é preciso escolher bem as medidas do pneu de moto.

Neste post, vamos compartilhar várias dicas importantes sobre essa escolha para você rodar melhor, economizar e também evitar sustos. Acompanhe o texto!

Fique atento às medidas do pneu de moto

Para se manter “longe do chão”, é preciso dar atenção especial aos pneus da sua moto. Em caso de necessidade de troca, sempre desconfie de valores muito abaixo da média. Não vale a pena colocar sua vida em risco por alguns reais a menos.

Sempre dê preferência para os produtos originais e busque manter o mesmo tipo de medida do pneu de moto escolhido pela fábrica.

A calibragem também é um ponto importantíssimo. Existe um mito de que usar os pneus abaixo da pressão recomendada de fábrica aumenta a área de contato dele com o chão, aumenta a aderência e melhora na frenagem.

O pneu mais vazio realmente tem mais contato com o piso, porém, sua dirigibilidade fica muito prejudicada e o desgaste dos seus pneus também poderá ser maior.

Evite também o uso de pressão excessiva. A moto rodando com pneus muito cheios fica perigosa e com pilotagem muito imprecisa por conta do menor contato com o chão, além de diminuir a capacidade de absorver as irregularidades das estradas.

Analise a estética e a dirigibilidade

Já vimos muitos clientes que querem unir a estética da moto ao seu uso no dia a dia, e não há nada de errado nisso!

Porém, é importante frisar que qualquer mudança nas rodas e/ou na medida do pneu da moto precisam ser muito bem pensadas e analisadas antes de serem feitas.

A troca de rodas também pode ser feita, porém, com muita atenção e alguns cuidados. É preciso observar sempre a utilidade da moto e o tipo de terreno que ela costuma passar. A escolha correta dessas rodas influencia diretamente na pilotagem.

Escolha bem os aros das rodas

Os dois tipos mais comuns de aros de roda são os de liga leve, em que o aro e raios são todos construídos como uma só parte, geralmente de alumínio e a roda raiada, em que a parte externa e interna da roda da motocicleta são “trançados” com raios.

As rodas raiadas são as mais tradicionais e mais vistas em motos. Normalmente, são produzidas em alumínio, com resistência estrutural fornecida pelos raios entrelaçados entre o cubo e aro.

As de liga leve são produzidas como uma peça única. Todos os aros dela são fundidos ao cubo de roda e ao aro da roda. Esses modelos são mais utilizados em motos esportivas por serem mais leves e oferecerem ótima resistência.

A desvantagem é a baixa reparabilidade. Elas podem ser facilmente danificadas quando usadas em terrenos mais off-road ou em caso de impactos muito fortes.

Já as rodas raiadas são mais flexíveis e fáceis de reparar. São mais resistentes aos impactos e absorvem melhor as irregularidades das estradas.

O mais importante na hora de escolher ou mudar as medidas do pneu de moto é sempre procurar locais de confiança e seriedade. Nunca abra mão de mexer na sua moto com profissionais capacitados.

Verifique sempre as medidas originais de fábrica dos pneus e evite fugir delas. Na hora de escolher as rodas, pense sempre no seu trajeto diário e uso da sua motocicleta.

Sabemos que as estradas brasileiras não oferecem as melhores condições de pilotagem, por isso, sempre pilote com atenção, cuidado redobrado e mantenha sempre a manutenção da sua moto em dia!

Gostou das nossas dicas? Temos muitas outras no nosso blog! Aproveite para conferir o modelo mais indicado para iniciantes e ficar por dentro de tudo do universo das motocicletas.

Powered by Rock Convert

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *