4 cuidados essenciais de manutenção da moto em períodos de chuva

Tempo de leitura: 3 minutos

Todos sabemos que a manutenção de uma motocicleta é fundamental. Afinal, essa prática é importante para garantir a segurança durante sua condução — além da atitude prudente do motociclista atrás do guidão, é claro.

Mas, e nos dias de chuva, você sabe quais são os cuidados que você deve se atentar? Essa é uma situação que exige atenção especial do motociclista, já que a pilotagem se torna mais desafiadora e arriscada.

Por isso, vamos mostrar 4 cuidados na manutenção da moto em períodos de chuva. Acompanhe!

1. Revise o sistema de ignição

Em dias de chuva, muitos motociclistas observam a ocorrência de falhas no motor. A causa desse problema pode ser o sistema de ignição, que começa no local em que giramos a chave. A checagem nos componentes deve ser feita com atenção, pois a umidade acentuada pode acelerar o seu desgaste natural.

Na manutenção, é preciso conferir o funcionamento do terminal supressivo, também conhecido como cachimbo. Sua função é conduzir a corrente elétrica do transformador à vela de ignição, além de impedir a entrada de água e umidade.

Aproveite também para verificar as velas e os cabos, evitando problemas como perda de potência e aumento no consumo de combustível.

2. Verifique os pneus da motocicleta

Todos sabemos que os pneus são um dos principais itens de segurança em uma motocicleta — especialmente em situações de pista molhada. Portanto, é importante se certificar que eles estão em boas condições antes de rodar com a moto em períodos chuvosos.

Verifique se a profundidade dos sulcos (ranhuras próprias do pneu) está dentro da tolerância indicada pelo fabricante, pois essa condição é vital para que o pneu possa drenar a água da pista de maneira adequada.

Pneus carecas afetam consideravelmente a estabilidade do veículo, fazendo com que uma simples frenagem possa resultar em uma queda.

Os pneus também devem ser trocados ao apresentarem defeitos em sua estrutura, como rachaduras ou bolhas. Mantê-los corretamente calibrados também ajuda a aumentar a segurança do motociclista.

3. Analise o funcionamento dos freios

Quando começa a chover, o principal cuidado que devemos tomar é reduzir a velocidade, correto? Isso faz com que o sistema de freios também careça de atenção especial na hora da manutenção da moto em períodos de chuva.

É fundamental ficar alerta aos prazos de manutenção indicados pelo fabricante, seja nos casos de freios a disco ou a tambor. Fique atento às vibrações, ruídos e folgas durante a frenagem, que também podem indicar a necessidade de verificação do sistema.

Além de manter o sistema de freios em ordem, é preciso ter cuidado redobrado ao frear em pista molhada, de modo a reduzir os riscos de acidentes.

4. Cuide da limpeza da moto após tomar chuva

Depois de encarar uma chuva com sua motocicleta, não basta apenas chegar em casa e deixá-la secar sozinha. Realizar uma boa limpeza e lubrificação é muito importante para garantir a durabilidade de vários de seus componentes.

O principal deles é o sistema de transmissão, chamado também de relação. Isso porque o acúmulo de sujeira nesses componentes pode afetar o funcionamento e reduzir drasticamente sua vida útil. Sendo assim, o ideal é limpar e lubrificar o sistema sempre que passar por chuvas ou estradas de terra.

Esses 4 cuidados com a manutenção da moto em períodos de chuva são fundamentais para a sua segurança. Que tal conhecer agora dicas para economizar combustível em sua motocicleta?

Powered by Rock Convert

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *