4 dicas essenciais para andar na garupa da moto

Tempo de leitura: 4 minutos

Depender de transporte público é um problema e tanto quando moramos afastados do trabalho ou da universidade, não é mesmo? Para não se atrasar, vale até andar na garupa da moto, porém, como se comportar durante uma carona?

Sabemos bem que a direção defensiva é algo crucial no dia a dia, pois ela evita inúmeras chances de acidentes de trânsito. É preciso prezar pela segurança tanto de quem pilota quanto de quem está na garupa, pois as decisões são tomadas em milésimos de segundo.

Neste artigo, trouxemos 4 dicas fundamentais para você ter um comportamento exemplar quando estiver na garupa da moto. Confira!

1. Confie em quem está pilotando

Se você ainda tem uma certa insegurança, saiba que é necessário perder o medo de andar de moto para ficar na garupa, pois a autoconfiança faz com que o trajeto seja mais bem aproveitado. Quando a pessoa que está pilotando sente que você demonstra confiança, pode ter certeza de que os riscos diminuem bastante, afinal, é preciso uma harmonia na condução e todo um cuidado com quem está de carona.

O segredo é ter controle e relaxar durante o percurso, pois quanto mais tranquilo(a) você estiver, melhor a possibilidade de aproveitar a condução e tornar essa experiência inesquecível. Uma boa dica de controle mental é focar na respiração, deixando qualquer preocupação de lado e apenas prestando atenção nas orientações de quem está no comando da motocicleta.

2. Mantenha uma postura adequada

Por mais que dê aquele “friozinho na barriga” quando se está na garupa da moto, lembre-se de que é indispensável seguir as regras de trânsito e não cometer imprudências, pois isso pode acarretar multas ou, até mesmo, a suspensão da carteira de habilitação. Tendo isso em vista, recomenda-se que o passageiro fique com o corpo mais próximo da pessoa que conduz a moto, a fim de evitar desequilíbrios.

Mesmo que você ache estranho ou esquisito, siga os mesmos movimentos do(a) piloto(a), principalmente nas curvas, pois será importante para que os dois não caiam. Todavia, os movimentos não podem ser bruscos, isto é, nada de levantar o corpo na lombada ou no quebra-molas. Além disso, tenha firmeza nas pernas e se controle para não ficar gesticulando durante o percurso.

3. Evite conversar no trajeto

Mesmo que você tenha visto algo fantástico no seu trabalho, assistido a um episódio incrível de uma série ou descoberto a cura do câncer, evite ao máximo conversar enquanto estiver na moto! Criar distrações, por mais simples que elas sejam, faz com que a condução seja perigosa, pois a pessoa que estiver pilotando precisará redobrar a atenção.

A sua “participação” durante o percurso deve ser mínima, só com observações pontuais que auxiliem o(a) piloto(a), mas nada de agir como navegador(a) de um rali, pois isso desconcentra quem está dirigindo e pode causar acidentes. Portanto, deixe para contar suas novidades em um outro momento, sem que você esteja a vários km/h.

4. Utilize equipamentos de segurança

Como não poderia faltar, óbvio que a utilização de acessórios de segurança é algo primordial não somente para o(a) piloto(a), mas também para quem estiver na garupa. O capacete é o primeiro item que precisa estar devidamente colocado, cumprindo assim a determinação do artigo 55 do Código de Trânsito Brasileiro (CTB).

Mesmo que a condução seja feita por alguém que tem experiência com motos, não é possível se descuidar tão fácil, pois várias vidas estão em jogo no trânsito. Portanto, saiba que manter a sua segurança vai muito além de cumprir a legislação. Assim sendo, lembre-se de que o uso de jaqueta, calça, sapato fechado e luvas pode tornar a viagem mais tranquila.

Por fim, perceba que o ato de ficar na garupa da moto traz muitas responsabilidades para o passageiro, mas é importante que o motorista fique de olho na calibragem dos pneus e na postura ao levar você. Se possível, ele também deve contar com um seguro para a moto, pois é sempre bom se prevenir.

Se você curtiu este texto e ficou curioso para saber um pouco mais sobre o mundo do motociclismo, veja agora como funciona o seguro de moto Honda!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *