Como funciona o Idling Stop, o sistema start-stop das motos Honda

Tempo de leitura: 3 minutos

Inicialmente, o sistema start-stop foi idealizado para os carros, visando uma economia maior de combustível, mas acabou não se popularizando muito na época. Atualmente, a ideia de aumentar a eficiência dos motores e poluir menos fez esse sistema voltar. Foi pensando nisso que a Honda criou o sistema start-stop moto, batizado de Idling Stop.

Com isso, a marca trouxe ao Brasil uma grande novidade que hoje equipa a scooter Honda PCX 150. Idling Stop, em tradução livre, seria como parada em marcha lenta, que foi pensado e inspirado no sistema start-stop. Quer saber como esse sistema surgiu e entender seu funcionamento? Acompanhe este post!

O que é o sistema start-stop?

Start-stop é um sistema eletrônico que, com o auxílio da injeção eletrônica, desliga o motor quando a moto está parada e liga novamente quando é necessário entrar em movimento. A ideia por trás dessa invenção é tornar a moto ainda mais econômica, minimizando o gasto de combustível.

Como surgiu?

O sistema surgiu na década de 1970, inicialmente pensado pelos fabricantes de automóvel como uma resposta à crise de petróleo que afetava o mundo nesse período. Como o barril de petróleo chegou a custar 300% a mais, o star-stop foi apresentado como a solução para que os carros consumissem menos combustíveis e, assim, os impactos da crise fossem diminuídos.

O problema é que nesse período os carros não funcionavam por injeção eletrônica. Os veículos a carburador demoravam muito para ligar novamente e o sistema acabou não se adaptando bem aos automóveis. Assim, a ideia não se popularizou e só voltou a ganhar adeptos depois da invenção dos sistemas de injeção eletrônica.

Como funciona o sistema start-stop moto?

O start-stop atua na moto desligando seu motor quando ela fica parada por mais de três segundos em marcha lenta. Por isso, a Honda batizou o seu sistema de Idling Stop. Quando o motociclista acelera o veículo, o sistema religa o motor e é possível seguir viagem tranquilamente.

O funcionamento no carro é semelhante: depois de alguns segundos que o motorista pisa no freio, o motor é desligado pela injeção eletrônica e é ligado novamente após o condutor retirar o pé do pedal do freio.

Ele causa problemas à bateria da moto?

Diferente do que muitos pensam, o sistema Idling Stop não prejudica a bateria ou qualquer outro componente da moto, pois, para instalar esse sistema, a Honda fez um estudo e dimensionou todo o conjunto do motor para lidar com ele. Por isso, a bateria é fabricada com uma tecnologia diferente: a AGM.

A tecnologia AGM (Absorbent Glass Mat) das baterias é feita com placas de fibra de vidro. Elas atuam na absorção dos eletrólitos em seus separadores. Assim, a bateria tem maior desempenho elétrico, sendo ideal para o sistema start-stop. Além disso, o próprio motor da moto é dimensionado para não ter problemas em desligar e ligar diversas vezes.

Percebeu como o sistema start-stop moto ou Idling Stop é uma ótima tecnologia quando se trata de economia de combustível? Com ele, a moto, que por natureza já é um veículo econômico, consegue atingir números ainda melhores.

Achou interessante a informação do nosso post? Então entre em contato conosco para adquirir sua moto com o sistema Idling Stop!

Powered by Rock Convert

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *